Muito Obrigado pela visita! Aproveite para se cadastrar gratuitamente como seguidor(a).

Aqui a Matemática é Simples e Descomplicada! Acesse, comente e compartilhe nossos artigos.
Hoje é


Dicas para Ensinar e Aprender Matemática com Bom Humor! - Para acessar: →

Translate

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Conheça quem foi o Gênio Azarado da Matemática!

Evariste Galois, o gênio azarado!
Evariste Galois(1811-1832) foi um dos maiores matemáticos de todos os tempos, ele mudou a matemática, mas morreu antes de completar 21 anos e também dantes que o levassem a sério, pois seus escritos rabiscados estavam a frente dos estudiosos de sua época.
Na madrugada inteira de 30 de maio de 1832, o matemático francês Evariste Galois escreveu muito e intensamente. Nas margens do caderno, como um símbolo de seu desespero, anotou: “Não tenho tempo, não tenho tempo”.

Ele sabia que estaria morto antes de o Sol nascer, provavelmente com um tiro na testa. Tinha apenas 20 anos, mas muita coisa a dizer, especialmente sobre os números que vinha rabiscando de maneira confusa desde os 16 anos de idade.

Os rabiscos eram equações incompreensíveis na opinião de alguns célebres matemáticos e para aqueles tempos, talvez consideradas indevidamente como equivocadas, e sem compreensão  por aqueles que eram considerados os sábios de sua época.

Doze anos depois, os rascunhos e as anotações insanas daquela noite,  foram finalmente examinados. O rapazote Galois era um gênio!, pois sua complexa teoria de grupos abria todo um novo campo para a álgebra. Algo que no século seguinte seria fundamental para o desenvolvimento dos computadores e todas os descobrimentos que até hoje trazem inúmeros benefícios a todos, por exemplo.

Mas, em 1832 nada disso parecia possível. O jovem Evariste estava atolado até o pescoço em uma confusão dos diabos. Ou melhor, estaria envolvido em diversas confusões.

A escalada começou em 1829, com o suicídio inesperado de seu pai, após uma briga feia com inimigos monarquistas.   O país estava dividido em facções apaixonadas, opondo católicos a protestantes, republicanos a monarquistas e Galois resolvera ser republicano até a morte.

Tanto que se envolveu em uma bela enrascada, ao fugir da escola para participar das manifestações contra a posse do rei Luís Felipe, em 1830.   Naquele feito, foi expulso e nem se abalou: alistou-se imediatamente na Guarda Nacional, logo desativada por decreto real.

Um ano depois foi preso por ameaça ao rei; brandira a sua espada numa reunião de republicanos. Ainda voltou à cadeia por usar o uniforme da proscrita Guarda Nacional.

Pior que sua sorte na política, só mesmo na academia. Imberbe, tentava provar que tinha algo a dizer sobre equações. Aos 16 e aos 18, tentou sem sucesso entrar na Escola Politécnica, onde circulavam os principais matemáticos franceses de sua época. 

A Academia de Ciências fez pior: perdeu duas vezes o relatório com as descobertas de Galois e, quando colocou a mão na terceira versão, reprovou o rapaz indevidamente.

Os juízes simplesmente não entenderam as suas idéias e não acreditaram nos resultados registrados.  Enfim, em março de 1832, o caos político em Paris misturou-se ao pesadelo de uma epidemia de cólera e Galois deu seu último passo torto.

Apaixonou-se pela filha de um médico, Stéphanie-Félicie du Motel, que não correspondia ao seu sentimento  e tinha outro pretendente que era Bom de gatilho.
Poucos detalhes sobraram dessa tragédia francesa. O próprio Galois tentou fazer parecer que se tratou de um conluio político para eliminá-lo. Mas, também deu a entender que a discussão com o desafiante para um duelo, pode ter girado em torno de Stéphanie.   Em seus rabiscos aflitos, Evariste a chama de prostituta e deplora a trágica estupidez de ter se envolvido num combate de vida ou morte.

O que se sabe é que na manhã daquela quarta-feira, 30 de maio de 1832, Galois foi defender sua honra. Escolheu uma das pistolas, deu 25 passos, virou-se e... tomou o esperado balaço.  Agonizou no hospital até o dia seguinte. E morreu, sem saber que, deixando um legado de apenas 60 páginas de garranchos, viria a ser considerado não só um dos mais criativos pensadores que a ciência já teve, mas uma das pedras fundamentais na evolução da matemática.

Conclusão: Ele, apesar de ser considerado um gênio após sua morte, se rendeu as suas paixões e não conseguiu dominar a equação mais complexa que existe: o amor. Isso também aconteceu com outros poetas como: Álvares de Azevedo que publicou A Lira dos Vinte Anos e também com Pablo Neruda, Prémio Nobel da Literatura em 1971 em que sua poesia refle o deleite com vários prazeres da vida, entre eles a paixão pelas mulheres.  
Baseado no artigo de Flávio Dieguez da Revista  Super Interessante, edição: Janeiro de 2004
Leia outras histórias acessando o marcador: História da Matemática!
A Matemática Aqui é Simples e Descomplicada!




4 comentários:

  1. Adorei o conteúdo. Muito elucidativo.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado.
    Continue nos prestigiando. Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Poxa apesar da tragédia de sua vida ele realmente era um gênios da matemática num assunto que agora tô tendo muita dificuldade, álgebra, ai Luiz agora é vc que vai me ajudar que vc me sugere para que eu entenda melhor esse assunto, o que preciso ter aprendido tambem para entender melhor melhor esse assunto livros vídeos e etc... abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Odazilma, não sei qual o curso que você faz, mas se o assunto for: Álgebra Linear, você deve ter uma boa base em Sistemas Lineares, Matrizes, Operações entre Matrizes, etc. Veja em nosso blog os conteúdos sobre Sistema de Equações Lineares, Equações 1º e 2º graus. Também veja alguns livros(ver bibliografia ao lado) como: Álgebra Moderna do Profº H.Domingos (Unesp) que é muito bom. Espero ter ajudado. Boa sorte!

      Excluir

Ficou alguma dúvida sobre a postagem acima ou quer deixar uma sugestão?
Escreva seu comentário no espaço apropriado, seja para elogiar, criticar ou expor dúvidas, que publicaremos e responderemos o mais rápido possível.

Atenção: Serão excluídos os comentários contendo propagandas e também aqueles que faltem com o respeito e educação a qualquer usuário do Blog ou, os que venham induzir nosso leitor a acessar conteúdos impróprios e eticamente não recomendados. Desde já, agradecemos sua participação!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...