Agradecemos sua visita. Aproveite e cadastre-se gratuitamente como seguidor(a).

Aqui a Matemática é Simples e Descomplicada! Acesse, comente e compartilhe nossos artigos.
Hoje é


Entenda os Paradoxos da Educação no Brasil e o que Fazer para Melhorar sua Qualidade! - Para acessar: →

Translate

terça-feira, 31 de março de 2015

Dificuldades de Aprendizagem em Matemática

Rotina Diária para Corrigir as Dificuldades de Aprendizagem em Matemática.
Aprender a matemática é muito fácil, mas requer que adotemos algumas atitudes positivas, rotinas inteligentes e que serão benéficas para o aprendizado, como: assiduidade às aulas, material adequado sempre à mão dos alunos e professores, dedicação e muita responsabilidade por parte de todos os envolvidos sejam eles discentes, docentes, coordenadores e diretores.  Não adianta nada, você ter um professor eficiente e muito dedicado, pais ou responsáveis sempre participativos, uma boa escola, com pessoal competente, equipada com bons livros e com recursos tecnológicos de última geração, e disponíveis a todos, se o aluno não fizer também a sua parte, assim como pouco adiantará termos alunos, pais responsáveis e dedicados, se a escola não dispor de bons profissionais e munidos de materiais, equipamentos e uma estrutura adequados para o aprendizado. Para que ocorra uma educação eficiente e de boa qualidade é necessário a junção destes dois fatores mencionados.  Mas, supondo condições normais para o aprendizado, com toda infra-estrutura já mencionada, cabe ao aluno fazer também a sua parte. Vamos então, dar alguns conselhos e dicas que recomendamos a você professor e aos pais, ou responsáveis discutirem com seus filhos, alunos ou tutores e também pedir que eles leiam atentamente o material que segue, o qual será de grande utilidade para o aprendizado da matemática às crianças, jovens e adolescentes, enfatizando que isso vale também para outras disciplinas. 





1. Assiduidade e Disciplina para a Aula. 
Nem precisamos dizer, o quanto a disciplina na sala de aula e o comportamento educado na sua escola e na sala de aula são fundamentais para o aprendizado coerente em qualquer matéria, mas na matemática, isso é fundamental. Deixe a conversa e o papo para uma outra hora mais apropriada, como no intervalo reservado para seu lanche ou descanso.  O celular também é outro dispositivo que pode atrapalhar, então mantê-lo desligado ou guardado em algum outro compartimento seguro, custodiado na escola, será muito benéfico para a sua concentração e colaboram fortemente para o aprendizado de todos. Quando perder uma aula por qualquer que seja o motivo, você terá que aprender os conceitos trabalhados nesta aula perdida, consultando sempre um colega de sala e também o seu livro didático. Você nunca vai se recuperar totalmente do conteúdo perdido, pois aprender a matéria com os seus amigos ou mesmo com os pais ou a partir do texto consultado em seu livro, nunca é o mesmo que a experiência vivenciada do aprendizado diretamente com o seu professor.  Por isso, procure não faltar e venha para a sua aula sempre nos horários fixado. Aconselhamos sempre chegar mais cedo e ir se preparando e se familiarizando, para participar da aula, mantendo livro e todos os materiais organizados, tarefas resolvidas sempre à mão, etc.  Os materiais como caderno, lápis, caneta, apostila, livros, e outros materiais sempre devem estar nas mãos dos alunos para as aulas, sendo que isto deverá ser organizado com o devido apoio dos pais e dos responsáveis pelo aprendizado de seus filhos. Se você perdeu alguma aula, além do seu dever de copiar a matéria dada, você deverá se inteirar das tarefas que foram passadas e realizá-las com o apoio dos colegas e mesmo com a ajuda de uma outra pessoa, que tenha habilidade para te explicar o conteúdo perdido, caso isso seja possível.  Na sala de aula, procure sempre acompanhar as explicações, sempre em conjunto com seu professor. Se o seu professor cobra alguns problemas ou questões, procure respondê-las pesquisando no seu livro didático, na apostila, etc., com o devido apoio do seu mestre, quando tiver dúvidas nestas atividades.  Certifique-se de que as explicações efetuadas em sala de aula, deverão serem claras e fáceis de serem compreendidas. Não basta escrever a solução dos exercícios e problemas, você deve entender como a resposta  e a solução foi obtida. Também anotar tudo, como as explicações e o que o professor diz e escreve, aumenta a sua compreensão e o aprendizado dos conceitos matemáticos.  No momento em que o professor explicar o conteúdo, somente preste atenção e não copie ou faça qualquer atividade paralela.  Se não souber alguma questão ou explicação, levante a mão e pergunte educadamente: como fazer, como resolver, etc.  Nunca deixe dúvidas para a aula seguinte, pois ela com certeza exigira que você também saiba o conteúdo da anterior.

2. Tarefa, Atividades e Dever de Casa. 
Faça as tarefas e deveres da escola na sua casa e no mesmo dia elas são propostas por seus mestres. Quando você faz uma lição de casa no mesmo dia, quando os conceitos ainda estão frescos em sua mente, o aprendizado sempre será maior. Quando isto não for possível, certifique-se de fazer o mais breve que puder. Faça um esforço fora da classe, se você precisa de ajuda, procure o seu professor de reforço, durante o seu período livre ou durante o expediente agendado para o caso.  Procure saber dos horários do reforço de matemática e participe ativamente, levando as suas dúvidas sempre anotadas.

3. Grupo de Estudos.
Em quase todas as escolas, os grupos de estudos sempre são uma boa forma para reforçar o aprendizado, pois neles quem sabe mais, pode ensinar e também aprender com aqueles com maior dificuldade de assimilação.  Junte-se a um grupo de estudos, formado por 4 ou 5 alunos, e com uma boa mistura de níveis de habilidades. Se você é um estudante regular em matemática, procure então participar de um grupo que tenha 2 ou 3 alunos com níveis bons ou ótimos,  para aumentar o seu nível de conhecimento. Evite juntar-se com um grupo composto por estudantes, cujas notas são muito mais baixas do que a sua, mas não seja egoísta, repasse sempre tudo o que você aprender, pois também aprendemos quando ensinamos.

4. Como deve ser o aprendizado de alguns conteúdos da Matemática.
Para você aprender matemática, é muito fácil, basta sua dedicação e determinação. Você deve ir desenvolvendo certas habilidades e atividades, numa certa ordem de dificuldade, estudando os conteúdos com muito critério, pois eles sempre supõe que você já tenha algum pré-requisito já assimilado ou seja, que você já tenha conhecimento de algum outro assunto visto anteriormente. Se tiver dificuldade em algum tópico, sugerimos revisar ou recordar essas matérias, acessando nossos posts sobre o assunto dificultoso e que poderão estar publicados aqui neste site. Para sua facilitação, repassamos alguns links úteis e que você poderá acessar para rever os alguns dos conteúdos envolvidos.  Isto é apenas uma sugestão, pois não existe uma ordem engessada para aprender os conteúdos, você deverá ir testando o aprendizado e caso fique com dúvidas em matérias que não saiba, você deve procurar ajuda seja com o seu professor ou neste/outros sites especializados em matemática. 
Supondo que você já tenha visto e saiba o que seja um número, fazer contas de adição, subtração, multiplicação e divisão entre eles, etc.  Por exemplo, não veja frações se você não tem nenhum conhecimento de divisão aritmética. Aconselhamos seguir sempre o índice que vem indicando os conteúdos no livro ou em sua apostila de estudos.  A seguir vamos repassar alguns exemplos de conteúdos para você estudar e se preparar na matemática.

I- Comece com a aritmética, conhecendo os números e as quantidades numéricas. Na maioria das escolas, os estudantes trabalham em aritmética, durante as séries iniciais do ensino fundamental. A aritmética ainda inclui os fundamentos da adição, subtração, multiplicação e divisão e todas as suas propriedades. Veja também tudo sobre os conjuntos numéricos como: Números Naturais, Inteiros, Racionais e Irracionais.  Saber somente o conteúdo não é o suficiente, matemática se aprende fazendo e praticando muitos exercícios, acesse e faça todos exercícios propostos neste blog e também os de seu livro didático ou da apostila, com o acompanhamento de seus mediadores/professores.  Se tiver dúvidas, aconselhamos acessar os diversos posts sobre o conteúdo já divulgados em nosso blog, como o seguinte: As Operações Básicas da Matemática!

II- Em seguida, aprender álgebra como resolver as equações e solucioinar também os problemas de álgebra também são aconselhados.  Outros conteúdos importantes da álgebra são:  Frações e decimais. Você deve aprender a somar, subtrair, multiplicar e dividir duas frações e também na forma de decimais. Quanto as frações, você deve aprender como reduzir frações e interpretar os números mistos. Quanto as decimais, você deve entender o valor delas, quando do uso das vírgulas entre seus dígitos, e você vai ser capaz de usar as casas decimais em exercícios e problemas, usando elas numa linguagem matemática.  Aconselhamos acessar o nosso post sobre frações;

III-  Estude ainda proporções e porcentagens. Estes conceitos irão ajudá-lo a aprender sobre como fazer comparações.  Acesso nosso post chamado: Razão e Proporção;

IV- Resolver quadrados e raízes quadradas. Quando você já domina este tema, você terá quadrados perfeitos de muitos números memorizados. Você também será capaz de trabalhar com as equações contendo raízes quadradas.

V-  Aprender a geometria básica. Você vai aprender todas as formas, bem como conceitos de volume ou figuras em 3 dimensões. Você deverá aprender conceitos como área, perímetro, volume e área de superfícies, bem como informações sobre retas e ângulos paralelos e perpendiculares.

VI-  Entenda algumas estatísticas básicas. Na pré-álgebra, a sua introdução à estatística, inclui principalmente conceitos visuais, como gráficos, diagramas de dispersão, gráficos de caule e folhas e os gráficos histogramas.  Veja mais em nosso marcador chamado estatística e probabilidades.

VII-  Aprender as noções básicas de álgebra. Neste aprendizado, deverão incluir conceitos como a resolução de equações simples, contendo variáveis, aprendendo também  como funciona a propriedade distributiva, gráficos de equações simples e resolver as desigualdades.  No estudo de álgebra, você vai aprender sobre os símbolos básicos envolvidos na álgebra.

VIII-   Resolver equações lineares e desigualdades que contêm 1 e 2 variáveis.
IX- Solucionar problemas com várias incógnitas. Você ficará surpreso como muitos problemas cotidianos encontrados em atividades diversas podem ser exemplos para se resolver os problemas algébricos. Por exemplo, você vai usar a álgebra para descobrir a taxa de juros que você ganha em suas aplicações bancárias ou para compreender os seus investimentos. Você também pode usar a álgebra para descobrir quanto tempo você vai ter que gastar, se viajar com base numa velocidade constante do seu carro.

X- Trabalhar com os expoentes. Quando você começar a resolver equações com polinômios (expressões que contêm números e variáveis), você verá como entender e usar os expoentes. Isso também pode incluir o trabalho com notação científica. Depois de ter visto os expoentes, você pode aprender a somar, subtrair, multiplicar e dividir os polinômios.

XI-  Compreender as funções e gráficos. Em álgebra, você vai realmente entrar em equações gráficas. Você deverá aprender como calcular a inclinação de uma reta, como colocar equações num sistema de coordenadas, etc.

XII- Descobrir sistemas de equações. Às vezes, você está estudando duas equações separadas com as duas variáveis ​​x e y, e você tem que resolver ou encontrar valores para x ou y que satisfaçam ambas as equações. Felizmente, você vai aprender muitas dicas e macetes para resolver estas equações incluindo gráficos, substituição e adição.

XIII-  Aprender geometria. Na geometria, você vai aprender sobre as propriedades das retas, segmentos, ângulos e suas formas. Você vai memorizar um número de teoremas e corolários que vão ajudar você a entender as regras da geometria.  Ainda, você vai estudar e aprender como calcular a área de um círculo, como usar o teorema de Pitágoras e como descobrir relações entre ângulos e lados de triângulos especiais.

XIV-  Complementando o estudo da álgebra e que você já aprendeu anteriormente, acrescentando temas mais complexos que envolvem funções e matrizes não-lineares que são mais complexos.  - Aqui entra então a trigonometria como: Seno, cosseno, tangente, etc. Na trigonometria você irá aprender a calcular ângulos e comprimentos de gráficos, sendo que essas habilidades serão de valor inestimável para todas pessoas e profissionais que vão trabalhar com a construção, arquitetura, engenharia ou agrimensura.

XV- No estudo do cálculo, pode parecer intimidador, mas é uma caixa de ferramenta incrível para compreender tanto o comportamento dos números, quanto do mundo ao seu redor.  No cálculo, você ira descobrir as funções e sobre os limites. Você deverá estudar ainda, o comportamento ou a uma série de funções úteis, incluindo as funções logarítmicas e as exponenciais.

XVI- A seguir, irá aprender a calcular e trabalhar com derivativos. A primeira derivada fornece informações com base na inclinação de uma linha tangente à uma equação. Por exemplo, um derivada, informa a taxa em que algo está a mudar numa situação não-linear. A segunda derivada vai lhe dizer se a função está aumentando ou diminuindo ao longo de um determinado intervalo de tempo, para que você possa determinar a concavidade de uma certa função.

XVII-  No estudo das integrais, você poderá calcular a área sob uma curva, bem como seu volume.   Observamos que no cálculo que você aprende no ensino médio, geralmente termina com sequências e séries. Embora os alunos não verão muitas aplicações para este nível de ensino, eles serão muito importantes para as pessoas que optam por estudar as equações diferenciais. Se você estiver pensando em uma carreira com um grande envolvimento de matemática e ciências, como um engenheiro, você deverá então se dedicar ainda mais ao cálculo, aprendendo outras noções de maior complexidade.

Nota: Os conteúdos acima expostos são apenas alguns exemplos para o seu aprendizado da matemática.  Mas, a disciplica envolve muitos outros assuntos que não teríamos espaço suficiente para divulgá-los aqui.  Então, sugerimos seguir um bom livro didático no nível em que você se encontra, o qual com certeza irá ajudá-lo muito.

Conclusão
    Saiba que não existe uma simples receita do bolo, para você fazer seu aluno aprender a matemática, você deve investigar o que ele já sabe e descobrir a sua própria receita ou seja o seu modo correto de ensinar, assimilar, para obter sucesso no aprendizado. Procure sempre contar com o apoio de pessoas responsáveis e que conheçam o assunto, contar também com um bom material de estudos, fazendo uso de uma apostila de atividades e livros didáticos de boa qualidade, os quais possam ajudá-lo também neste modelo ora apresentado. Procure sempre uma motivação para promover o aprendizado, ou seja levar ao educando a estudar com satisfação, seja usando jogos didáticos, fazendo uso da música no aprendizado (veja nosso post sobre o assunto), etc., enfatizando  que eles devem sempre estudar porque gostam e sentem prazer e não porque a escola ou o professor exige, nunca porque isso vão lhe trazer alguma recompensa de qualquer outro tipo. Colocar o lúdico nas suas aulas, seja usando recursos tecnológicos, jogos on-line, entre outros métodos inovadores, como já dissemos, sempre incentivam e motivam o aprendizado. Tente levar seus alunos para saberem como são efetuados os cálculos da matemática no cotidiano, como são calculados os diversos índices, como os da inflação, da prestação de sua casa, ou quando ler os jornais, ver como os números são colocados, e fazê-los entender por exemplo como ler um gráfico, utilizando-se de valores e porcentagens. Neste sentido, passar atividades, usando jornais, costumam ser muito eficientes também.  Aqui em nosso blog você irá encontrar  sugestões diversas para o aprendizado da matemática, não deixe de acessá-las. Hoje, existem também vários cursos rápidos que poderão ajudá-lo profissionalmente e que tem auxiliado muitos profissionais nos mais diversos setores, seja na área da pedagogia, da educação especial, da educação infantil, para prestar concursos públicos, entre outros. Caso tenha se interessado por cursos na área da educação, para prestar concursos públicos ou para reforçar seu currículo, você poderá acessar o site de nosso parceiro Cursos 24 horas, onde irá encontrar cursos de qualidade, e que fornecem certificado de conclusão, desenvolvidos por pessoas experientes e capacitadas. Se quiser sugerir, acrescentar, criticar, ou tirar alguma dúvida, deixe seu comentário abaixo.

A Matemática Aqui é Simples e Descomplicada!





2 comentários:

  1. muito bom! gostei bastante das postagens de vocês, parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosilene Leal, agradeço pelo elogio e seu comentário. São pessoas como você que nos encorajam a continuar nosso trabalho educativo frente ao nosso modesto site. Desculpe a demora em responder. Muito Obrigado.

      Excluir

Ficou alguma dúvida sobre a postagem acima ou quer deixar uma sugestão?
Escreva seu comentário no espaço apropriado, seja para elogiar, criticar ou expor dúvidas, que publicaremos e responderemos o mais rápido possível.

Atenção: Serão excluídos os comentários contendo propagandas e também aqueles que faltem com o respeito e educação a qualquer usuário do Blog ou, os que venham induzir nosso leitor a acessar conteúdos impróprios e eticamente não recomendados. Desde já, agradecemos sua participação!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...