Obrigado pela visita. Cadastre-se gratuitamente como seguidor(a)!

"O céu deve ser esférico, pois a esfera, sendo gerada pela rotação do círculo, é, de todos os corpos, o mais perfeito". (Aristóteles)
Hoje é


Faça Nosso Teste de Inteligência Grátis em Poucos Minutos e Conheça na Hora o seu Perfil! - Para acessar: →

Translate

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Reflexões sobre o Ensino e Aprendizagem de Matemática!

Reflexões sobre o Ensino e Aprendizagem de Matemática no Brasil!
Atualmente muitos professores adotam diferentes técnicas e metodologias pouco eficientes em sala de aula, para conseguirem obter algum sucesso no ensino e na aprendizagem de seus alunos. Esses pseudo-métodos, quase sempre estão defasados e muitas vezes são aplicados sem critério técnico, os quais foram aprendidos há muitos anos, quando frequentaram seus cursos na faculdade de graduação e até em observações baseadas nos métodos adotados por seus antigos professores, ainda quando eram alunos. Com certeza, são métodos que foram muito eficientes numa época que não tínhamos toda esta tecnologia e informações de hoje. Naquela ocasião estávamos em plena ditadura e tínhamos pouca ou quase nenhuma influência da mídia e dos meios de comunicação, a internet e as redes sociais não existiam, sendo que talvez a única forma de obtermos informações relevantes era através da escola, por isso a escola por si só já motivava seus alunos.  Como devemos motivar os alunos com tanta influência e informações tecnológicas de hoje? Você já parou para pensar como os alunos aprendem atualmente?  Será que todos assimilam certos conteúdos de uma mesma forma? São tantas perguntas que são difíceis de serem respondidas, não acha?
Em nossa prática docente, observamos que os alunos aprendem de múltiplas formas, mais uma coisa é certa, eles precisam estar motivados e interessados em aprender, pois ninguém faz o que não quer. Então, o primeiro passo para obter sucesso e o ensino fluir satisfatoriamente é motivando seus alunos. Mas, como fazer isso, ou fazê-los se interessar pela disciplina, ai deve entrar a criatividade do professor que pode se utilizar dos jogos e brincadeiras para isso, principalmente no ensino de Matemática.  Sabe-se que alguns alunos aprendem escrevendo, lendo ou visualizando, outros assimilam por repetição, etc. Então, cada aluno, cada pessoa deve descobrir a sua forma personalizada de aprender, de assimilar o conteúdo, sempre contando com o apoio de seu professor mediador. 

As dificuldades encontradas para ensinar!
São muitas dificuldades que encontramos pelo caminho para que o ensino de qualquer disciplina ocorra satisfatoriamente. Devemos vencer a indisciplina, o descaso com a profissão por parte dos gestores, falta de cursos de graduação mais preparados, falta treinamento e cursos de aperfeiçoamento, etc. Reconhecemos que, com salas superlotadas, algumas compostas por 40 ou mais alunos, fica extremamente difícil obter progresso na aprendizagem, e as dificuldades dos professores ficam evidentes. Já, a indisciplina em sala de aula é sinal de que a estratégia ou a técnica adotada não está agradando, então devemos mudar, quem sabe usando mais o diálogo, os jogos, as brincadeiras, etc. Cada um deve achar sua forma diferenciada para ensinar e motivar a clientela. Veja abaixo alguns exemplos de estratégias que podem funcionar e quem sabe solucionar o problema. 

Exemplos de técnicas e estratégias para ensinar seus alunos!
Existem algumas estratégias de ensino e técnicas que são usadas para driblar estes problemas apontados acima, mas deverão ser adotadas para as diferentes turmas ou clientelas que encontramos nas mais variadas instituições escolares.
Muitos professores, incentivam a aprendizagem por memorização, também chamada de “decoreba” que é aplicada para aprender através da informação textual ou visual daquilo que nos foi ensinado. São exemplos deste tipo de aprendizagem, memorizar um número de telefone, os resultados da tabuada, o local onde estacionamos nosso carro, a letra de uma música, de uma poesia, etc.  No entanto, sabemos que este tipo de aprendizado é válido apenas para agilizar as informações, por exemplo, se quisermos saber quanto vale 9 vezes 3, seria melhor decorar o resultado do que somar o fator 9 por 3 vezes, ou seja: 9 + 9 + 9 = 27. Este método, embora seja muito útil é quase sempre o mais utilizado, mas ele peca porque são conhecimentos que podem se perder com o decorrer de algum tempo, principalmente quando as informações ficarem sem revisões constantes. Sabemos também que tudo aquilo que não é entendido ou deduzido racionalmente pode ser esquecido também mais facilmente. Você se lembra do último deputado, vereador em quem votou, acredito que muitos não se lembram de seus nomes, pois depois de algum tempo sem uso, nossa memória vai descartar dados considerados “sem importância”. Ressaltamos que este tipo de aprendizado onde o professor deposita seus conteúdos que são cotidianamente anotados pelos alunos está muito desgastado e não é o mais adequado para motivar os alunos. 
Então, principalmente na Matemática, é preciso acharmos um método que seja mais eficaz ou descobrir uma maneira inteligente que faça nosso aluno realmente entender e aprender por dedução certos conteúdos e assim não esquecer de modo fácil, os conhecimentos adquiridos.

Como que nos EUA foram superados os problemas didáticos!
Nos EUA(Estados Unidos da América), que durante muitos anos foi exemplo de qualidade em educação, onde o governo incentiva e estão as melhores universidades do mundo, por lá também o aprendizado de Matemática e de outras áreas educacionais vêm sofrendo uma queda de rendimento evidente e tem preocupado muitos especialistas no assunto, como apontado por David Mumford, Profº emérito do departamento de matemática da Universidade de Brown, em Massachusetts, o qual afirmou em recente entrevista o seguinte "Quase ninguém vê razão em aprender matemática porque ela se tornou abstrata" disse ele. Ainda naquele país, vários pesquisadores vêm propondo diversos métodos alternativos, mas talvez um dos que tem apresentado os melhores resultados, seja aquele, proposto para que o aprendizado da Matemática, seja realizado utilizando-se de uma ajuda coletiva, ou seja, juntando-se vários alunos em grupos, com o auxílio do professor mediador, para encontrarem a solução para certos problemas matemáticos.  A partir destas descobertas, cada aluno descobre sua própria técnica adequada para assimilar e aprender principalmente matérias abstratas como a Matemática, Física, etc, pois sabemos que elas são diferenciadas.    

CONCLUSÃO:





No Brasil o ensino de Matemática, assim como das demais disciplinas, vêm em queda constante de rendimento, devido a diversos fatores, entre eles podemos citar, políticas inadequadas e ineficientes de incentivo na valorização dos professores, escolas com poucos recursos didáticos, salas superlotadas, sem o mínimo conforto de alunos, professores e gestores que muitas vezes sofrem com o calor, chuva, frio, etc.  Se você quiser saber mais sobre o ensino de Matemática, e conhecer técnicas e dicas úteis para implementar o ensino e aprendizagem, acesse nosso marcador chamado: Pedagogia! 
Atenção:
Você pode complementar esta matéria, deixando sua opinião ou até retificando ou complementando o post. Para isso, deixe seu comentário ao final deste artigo que teremos o maior prazer em publicar. Ainda, ajude-nos na divulgação deste espaço, cadastrando-se como nosso seguidor ou compartilhando nossas matérias com seus amigos através das redes sociais, cujos atalhos encontram-se ao final deste post, ou divulgando nosso endereço para os mesmos.
Se ficou alguma dúvida e quiser nossa opinião, deixe seu comentário no espaço apropriado ao final deste conteúdo.
Desde já, agradecemos sua visita e apoio. Muito obrigado!
A Matemática Aqui é Simples e Descomplicada!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficou alguma dúvida sobre a postagem acima ou quer deixar uma sugestão?
Escreva seu comentário no espaço apropriado, seja para elogiar, criticar ou expor dúvidas, que publicaremos e responderemos o mais rápido possível.

Atenção: Serão excluídos os comentários contendo propagandas e também aqueles que faltem com o respeito e educação a qualquer usuário do Blog ou, os que venham induzir nosso leitor a acessar conteúdos impróprios e eticamente não recomendados. Desde já, agradecemos sua participação!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...