Obrigado pela visita. Cadastre-se gratuitamente como seguidor(a)!

"O céu deve ser esférico, pois a esfera, sendo gerada pela rotação do círculo, é, de todos os corpos, o mais perfeito". (Aristóteles)
Hoje é


Faça Nosso Teste de Inteligência Grátis em Poucos Minutos e Conheça na Hora o seu Perfil! - Para acessar: →

Translate

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

O Ensino de Matemática para as Crianças!

Dicas e Truques para Incentivar o Ensino de Matemática para as Crianças!
Todos nós sabemos que é muito importante nos dias atuais o conhecimento de matemática, assim como de todas demais disciplinas, para obtermos sucesso no aprendizado e consequentemente na vida escolar, pois os estudos garantem no futuro, boas qualificações profissionais e mesmo pessoais de nossos filhos. Hoje, muito mais do que antigamente, o conhecimento se faz extremamente necessário em muitas situações vivenciadas no cotidiano de nossas vidas. Por isso, devemos incentivar as crianças desde cedo ao gosto e dedicação aos estudos. Como sabemos que a Matemática tem se tornado a "pedra no sapato" de muitos estudantes que frequentam a escola fundamental e média, fica evidente que deveremos focar em encontrar meios, truques e maneiras para motivar as crianças e os adolescentes para dominarem ainda mais o gosto por seu aprendizado.

Com as recentes mudanças pedagógicas ocorridas no Ensino Infantil, hoje temos que os três pilares principais são: Cuidar, Educar e Brincar, ou seja, a ideia de cuidar nos lembra dos cuidados com a segurança e proteção de toda criança, nos levando a pensar que nenhuma criança aprende bem em situações de risco ou que sejam contraditórias ao bem estar dela. O sentido de Educar foca-se no desenvolvimento das técnicas de aprendizagem e das ações que propiciam um cenário cognitivo. E por último e não menos importante esta o ato de Brincar que diz respeito que toda criança gosta e deve sempre brincar, pois isso faz parte do mundo infantil, e que ainda é assegurado por lei federal e contribui efetivamente para o desenvolvimento integral de toda criança pequena. Sabemos que muitos tipos de brincadeiras são benéficas para desenvolver certas habilidades como de relacionamento, fazer escolhas, proporcionando a criança pensar em alternativas para superar obstáculos e montar estratégicas que serão extremamente benéficas em seu aprendizado. Se você quer saber de todos os direitos que as crianças têm, como: receber uma educação gratuita e de qualidade, proteção, brincar, cuidados com a saúde e que são garantidos por lei, acesse nossa matéria chamada: Você Conhece os Direitos Universais das Crianças?

Mas, focando nas dicas para o ensino de Matemática, podemos afirmar que as crianças e adolescentes não vão perceber que estão aprendendo, quando os conteúdos são discutidos e aprendidos de maneira intuitiva, ou seja seus filhos irão aprender brincando e se divertindo.

Enfatizamos que estas são apenas algumas preciosas dicas, que você pode usar para introduzir o aprendizado dessa importante disciplina no dia a dia das crianças e dos adolescentes. Convidamos a usar de sua criatividade para descobrir novos caminhos, modos e ideias, pois com certeza existem muitas outras maneiras inteligentes para motivar os pequenos, bastando usar de sua criatividade e observá-las nos afazeres de seu cotidiano. Podemos aprender quando visitamos o supermercado, o banco, no preparo das refeições na cozinha de casa, quando pagamos a conta do táxi, lá no restaurante, na pizzaria, etc. Veja a seguir, como devemos nos comportar em algumas situações vivenciadas para motivar e ensinar os baixinhos:  







1. Presenteando com Jogos de Tabuleiro!
Se você não conhece estes importantíssimos brinquedos populares, informamos que eles possuem uma grande capacidade, na maioria das vezes ignoradas por todos, de ensinar matemática às crianças.
Usar outros jogos básicos, de computador, do tipo labirintos e explorações de subterrâneos e cavernas com tesouros escondidos, com certeza vão ensinar as crianças os conceitos de sequência, tamanho, geometria e contagem.
Os jogos mais complexos, tais como Banco Imobiliário, ensinam uma matemática mais avançada, gerenciamento de dinheiro e valores e fazem muita diferença para o aprendizado dos pequenos.
Para ensinar estratégia e conhecimentos em lógica, aconselhamos usar os jogos da velha, damas e xadrez.

2. Jogando Cartas com Amigos!
Devemos estimular os jogos básicos com cartas, como o jogo do peixe, pois vão ensinar às crianças pequenas, ao reconhecimento importantíssimos dos números.
Se você usar dos jogos mais complexos como, Batalha, podem ajudar a construir as bases primárias e ensinar sequência, definição e uso de valores, coordenadas, vetores, conjuntos e estratégia e o melhor, sem que ela saiba que esteja aprendendo conteúdos escolares.

3. Praticando Quebra-Cabeças
Usando o jogo quebra-cabeças de figuras recortadas seria uma excelente ferramenta para ensinar e desenvolver a habilidade matemática.
Os quebra-cabeças básicos ensinam raciocínio espacial, enquanto que outros jogos mais elaborados, vão ensinar as formas e tamanhos. As Crianças também usam habilidades como, sequência e ordenação para agrupar as peças de um quebra-cabeças. Aconselhamos sua ajuda inicial para demonstrar as estratégias para o sucesso nestes jogos.

4. Usando Blocos de Construção
Não importa se as crianças estão usando blocos planos de papelão ou madeira, ou "Legos", mas o fato é que construir, organizar, estruturas coerentes e lógicas, exige muito da matemática básica, e habilidades de engenharia e geometria.
As crianças devem usar: tamanho, forma e sequência para dar vida e expressão às suas criações.
Através do método por tentativas e erros, elas aprendem qual a melhor técnica a ser usada e qual a que funciona de forma mais adequada em uma situação específica.
Aqueles blocos de peças legos que eram muito usadas na educação em épocas mais antigas quando usadas de forma adequada podem nos ensinar ainda sobre as frações, divisões, etc. Por exemplo, se pegarmos uma peça completa com 48 pontos, podemos destacar ou separar 24 delas com uma cor diferente e ensinar que equivale a uma fração de valor 1/2, ou destacarmos 12 e assim construir novo bloco com 1/4 das peças, etc. Desta forma, podemos escrever que 1 = 1/2 + 1/2 (mostrando que 48 = 24 + 24) e que 1/2 = 1/4 + 1/4 (mostrando que 24 = 12 + 12).

5. No Supermercado
Você já parou para pensar quantos ensinamentos matemáticos e outros podem ser aprendidos nas suas compras periódicas em muitos comércios, como nas lojas, postos de abastecimento e supermercados? Salientamos que, por exemplo, o supermercado oferece uma infinidade de oportunidades de aprendizado.
Na seção de frutas, legumes e verduras, por exemplo, as crianças podem aprender sobre o uso de pesos, medidas e comparações, fazendo comparações e perguntas tais como:
a) Quantas mangas são necessárias para formar um quilo?
b) Qual pesa mais: quatro batatas ou cinco limões?
As crianças também podem praticar muitos conhecimentos de matemática básica: Adição, subtração, divisão, multiplicação e estimativa.
c) Qual custa mais: 100 gramas de queijo por R$ 6,00 ou 150 gramas por R$ 12,00? 
d) Quanto já gastamos em reais com nossa compra até o momento?
e) Quantas refeições podemos preparar em casa com esta caixa de filé de peixe?
f) Se nossa conta foi de R$ 45,70. Se eu pagar com uma nota de R$ 50,00, quanto deverei receber de troco?  

6. Gerenciando a Mesada
Uma das melhores maneiras de ensinar seu filho ou qualquer criança a desenvolver habilidades para gerenciar o dinheiro é dando-lhe uma pequena mesada para ele gastar como quiser sob sua supervisão e assim adquirir disciplina e valorizar a nossa moeda. Procure dividir a mesada em uma quantidade de notas e moedas variadas, pois assim vai facilitar o manuseio e o aprendizado será maximizado.
Deixe bem claro, que o dinheiro deverá ser usado com muita responsabilidade e sabedoria, servindo para ele comprar seus lanches, doces, brinquedos, revistas, ou outras coisas que ele julgue necessário. No entanto, ensine e explique que ele deverá separar as moedinhas e contar quanto tem em reais, e que deverá apurar esta contabilidade para saber quanto poderá gastar por dia, para que a soma total em reais dure por um período específico, que pode ser de uma semana, um mês, etc., pois novos reais da mesada somente serão ganhos em um próximo período pré-determinado. É uma ótima oportunidade para ensinar a relação entre frações e decimais. Aconselhamos acessar nosso conteúdo sobre o tema: Matemática do 5º Ano - Estudo das Moedas Brasileiras e das Decimais.

7. Conhecendo Mapas com o pé na Estrada
Ao saírem em viagem, isso poderá se transformar em uma excelente aula de matemática.
O uso dos mapas da forma correta, assim como do GPS pode ensinar muito como, noções de informática, uso das coordenadas, clima, e abrande conteúdos importantes de geografia, física, etc. frequentemente ignorados pelos pais.
Uma viagem de carro, ônibus ou até avião oferece grandes oportunidades de aprendizado. Por exemplo:
a) A que distância fica o local para onde estamos deslocando?
b) Quantas cidades ou estados vamos cruzar no trajeto?
c) Que caminho precisamos tomar para chegar ao nosso destino?
d) Quantos automóveis do modelo A vamos encontrar até chegarmos ao nosso destino?
e) Quantas radares ou placas de sinalização encontraremos pelo caminho?
As viagens também nos permitem fazermos muitos exercícios matemáticos, tais como:
f) Qual será a média de consumo do carro por litro de combustível?
g) Se viajarmos numa velocidade de 100 Km por hora, quanto tempo vamos levar para percorrer 500 Kms?
h) Se gastarmos 4 horas para percorrer tal distância, qual será nossa velocidade média?

8. Usando Estatística nos Esportes
Se sua criança pequena tem um esporte favorito e torce por alguma equipe, ela pode aprender matemática enquanto vibra pelas vitórias do seu time.
Ela pode fazer uma tabelinha, anotando todos os resultados dos jogos da sua equipe e calcular as várias estatísticas referentes as partidas realizadas:
a) Quantas cabeçadas o zagueiro do time adversário deu no primeiro tempo?
b) Quantos passes errados deu sua equipe durante toda partida?
c) Qual a média de faltas cometidas no jogo?
d) Quantos cruzamentos sua equipe fez na área adversária?
e) Quantos chutes a gol deu o seu time e o adversário?

9. Praticando um Esporte
Se a sua criança participa de algum time de futebol, basquete ou outro, seria uma ótima oportunidade de aprendizado de matemática. Você pode fazer as seguintes indagações:
a) Qual a trajetória correta e necessária para conseguir acertar a bola na cesta de basquete da posição tal, ou para lançar a bola de futebol sobre uma barreira de jogadores posicionados em um trecho qualquer?
b) De quantos pontos vamos precisar para conseguir a classificação?
c) Qual seria o melhor ângulo para fazer um arremesso no basquete e marcar 3 pontos, ou fazer um lançamento no futebol para o atacante receber a bola fora do alcance dos defensores adversários?
Estes são apenas alguns pontos possíveis de serem explorados. Use sua imaginação e invente muitos outros.

10. Aprendendo com Receitas de Cozinha
Na cozinha, existe uma impressionante quantidade de uso da matemática oculta.
As crianças podem ler uma receita e então saber a medida ou a quantidade dos ingredientes necessários para fazer, por exemplo, um bolo.
Quando usamos da divisão ou multiplicação para fazer uma porção maior ou menor de certa receita, dependendo da quantidade de pessoas que vão ser servidas, entramos com muitos conteúdos de matemática básica.
Este procedimento é também um excelente meio de fixar melhor seu conhecimento sobre frações. Exemplos:
a) Se a receita para quatro pessoas precisa de 1/4 de farinha de trigo, quanto de farinha vou precisar para preparar uma porção completa para o consumo de seis pessoas?
b) Sabendo-se que numa receita de bolo para satisfazer duas pessoas, uso 4 ovos, se quiser aumentar o consumo para seis pessoas, quantos ovos serão necessários?

CONCLUSÃO:
É claro que existem outras boas formas para ensinar, e isso depende muito de nossa criatividade, mas tenha certeza de que estas pequenas ações vão se transformar em grande aprendizado para nossos filhos no futuro. Se você pesquisar em nosso blog, certamente vai encontrar  outras dicas importantes para ensinar matemática e outras disciplinas escolares de forma lúdica, jogando e brincando, bastando acessar, por exemplo, nossos marcadores chamados: Pedagogia na Matemática e Recreações para o ensino de Matemática que recomendamos visitar, praticar e se inteirar. 
Enfatizamos ainda, que muitas formas lúdicas para o ensino escolar, podem ser conseguidas sem nenhum custo monetário e que pode fazer toda diferença no aprendizado das crianças, bastando usar da criatividade, do bom senso e do empenho de todos envolvidos neste processo. 
Se tiver interesse em ideias e sugestões para conseguir materiais inteiramente grátis ou de baixo custo, sugerimos visitar também nosso artigo chamado: Dicas de Baixo Custo para o Ensino de Matemática e lá vai saber do que estamos falando.

Finalizando, gostaríamos de convidá-los a se tornarem seguidores deste site, e assim nos ajudar em sua divulgação. Se preferir, compartilhe nossas matérias com seus amigos usando das redes sociais ao final desta matéria ou indique nosso endereço aos mesmos. Caso tenha ficado com alguma dúvida ou mesmo se quiser nos relatar suas experiências, seja para elogiar ou criticar, use o espaço para comentar também ao final deste artigo.
Desde já, agrademos sua visita e apoio. Muito obrigado!
A Matemática Aqui é Simples e Descomplicada!





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficou alguma dúvida sobre a postagem acima ou quer deixar uma sugestão?
Escreva seu comentário no espaço apropriado, seja para elogiar, criticar ou expor dúvidas, que publicaremos e responderemos o mais rápido possível.

Atenção: Serão excluídos os comentários contendo propagandas e também aqueles que faltem com o respeito e educação a qualquer usuário do Blog ou, os que venham induzir nosso leitor a acessar conteúdos impróprios e eticamente não recomendados. Desde já, agradecemos sua participação!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...